Assistência Espiritual: doação de fluidos e amor


Neste mês, descreveremos como ocorrem os tratamentos espirituais às quartas, quintas e aos sábados em nossa Casa de Paz e Amor.

Tudo se inicia no Plano Espiritual, muitas horas antes dos trabalhos começarem, com a preparação do ambiente pelos trabalhadores do Plano Maior.

Quando um assistido chega para o tratamento, recebe uma ficha com um número e cor que indicam respectivamente a ordem de chegada e os tipos de passe que receberá. Esta ficha somente é entregue à pessoa que será submetida ao tratamento e, para que não haja regalias, não se pode reservar lugares para parentes e amigos, e, tampouco, retirar-se do Núcleo e retornar em um horário próximo ao início dos trabalhos, pois isto não condiz com os ensinamentos de amor e respeito ao próximo.

As fichas de cor amarela e azul indicam que as pessoas receberão tratamento de passes denominados Pasteur 1 (P1) e Pasteur 2 (P2) que são, respectivamente, passes de equilíbrio para o corpo material e espiritual, sendo que as de cor azul destinam-se, em geral, àqueles que apresentem dificuldades para subir escadas. Serão, pois, encaminhados à sala de passe no andar térreo.

Muitas vezes a ficha amarela ou azul é acompanhada de uma de cor rosa com um código (A3), significando que o assistido será submetido a um tratamento adicional, direcionado em favor de alguma entidade desencarnada que possa estar ao seu lado. É importante destacar, que esta entidade nem sempre tem o propósito deliberado de prejudicá-lo. Muitas vezes, as entidades se aproximam de nós em busca de auxílio e seremos, assim, o instrumento para que se recuperem e sejam ajudadas dentro de um Centro Espírita.

A ficha de cor branca é dada somente às quartas-feiras para aqueles irmãos que necessitem de tratamento para o corpo físico, geralmente com graves problemas de saúde. São, então, encaminhados para uma sala especial onde uma entidade médica, Irmão Karl, as orienta e lhes indica o tratamento mais adequado para cada caso.

Vale ressaltar que o tratamento médico espiritual não dispensa o tratamento clínico convencional e que os assistidos, a fim de não sobrecarregarem a equipe de trabalhadores desta sala, deverão abster-se de procurar atendimento quando apresentem problemas corriqueiros.

Enquanto aguardam os passes e o início da preleção, os assistidos devem se manter concentrados, através de uma leitura edificante ou em prece silenciosa ao som de uma música relaxante.

Os tarefeiros, para iniciarem as atividades do dia, ministram Auto-Passe, procurando, assim, não sobrecarregar os demais companheiros e, em sistema de rodízio, iniciam a aplicação dos Passes de Limpeza nos assistidos. Em seguida, dirigem-se às suas respectivas salas e aguardam o início dos trabalhos. O Passe de Limpeza é necessário para todas as pessoas, pois tem a finalidade de retirar as energias negativas que são adquiridas com as preocupações e agitações do dia-a-dia.

Durante a preleção, que tem a importante função de fornecer subsídios para que as pessoas consigam paz e equilíbrio interior, os assistidos são chamados às salas de passe para que recebam o devido tratamento.

Ao término da palestra, é importante que todos se mantenham em silêncio e prece, pois os trabalhos dentro das salas continuam acontecendo e necessitam de concentração e harmonia.

Lembremo-nos sempre de que a disciplina é o sustentáculo de toda a organização e é o elemento de paz e progresso.

Autoria: 
Alexandre Ferreira